fbpx

Como as crianças podem aprender as habilidades sociais necessárias para se dar bem com os outros na sociedade se virem muitos exemplos diferentes de animais e humanos que não se dão bem? Essa é a essência do respeito pelos animais, falar com as crianças sobre o respeito pelas outras criaturas.

As crianças precisam de bons exemplos de empatia e compaixão, para serem capazes de compreender as emoções dos outros.

Seja o espelho para o seu filho

Desde cedo, as famílias podem ser os modelos que as crianças precisam para interagir positivamente com os animais. Sempre ao encontrar um animal, trate-o com amor e prove ao seu filho que os animais precisam ser cuidados e acariciados.

Além disso, não deixe seus filhos assistirem a conteúdos ofensivos como vaquejadas, touradas, rodeios e corridas de cavalos. No entanto, explique que alguns animais são usados ​​para ajudar as pessoas, como a terapia com hipopótamos, ou para nos fornecer alimentos – como queijo e ovos.

Permitir o acesso a diferentes espécies

O respeito pelos animais nunca deve se limitar aos animais domésticos, como cães e gatos. Então, uma ótima maneira de ensinar as crianças sobre os animais e como respeitá-los é observá-los em seu ambiente natural.

Você pode praticar no quintal ou em um parque mais próximo e observar diferentes espécies. Aproveite e conte aos seus filhos como o meio ambiente permite que os animais tenham uma vida feliz.

Contando histórias sobre como proteger os animais

À medida que as crianças expandem seu pensamento, você pode apresentar histórias sobre conservação de espécies e como o mundo lida com os direitos dos animais.

Além disso, você pode assistir a documentários, ler livros e até assistir a peças que retratam a conservação da vida animal da extinção.

Visite uma ONG de resgate de animais

ONGs e santuários que salvam animais são ótimas oportunidades para as crianças aprenderem. São lugares onde eles podem se encontrar e se inspirar no trabalho de pessoas que respeitam os animais. Além disso, eles terão a oportunidade de conhecer os malefícios que o abuso e o abandono trazem para a sociedade como um todo, podendo até levar a problemas de saúde pública.

No entanto, essas visitas impedem que as crianças observem os animais de forma objetiva, por exemplo, preferindo a adoção ao invés de comprar animais de raça pura.